Sol de primavera

Uma visita a um país do norte europeu pode despertar o significado da primavera e verão – estações não definidas no nosso calendário, mixadas em perenidade. Quem tem o ano quase completo com a temperatura de verão, batizando a sua cidade Natal como noiva do Sol, não valoriza essa bênção. Em Amsterdam, sentar num banco da Museumplein e ver a vida passar permite a você sentir o calor humano de uma tarde ensolarada de primavera. Termômetro marcando 14 graus e as pessoas sentadas no gramado às 19:30, quando a noite ainda nem bem deu as caras. Nessa época do ano, […]

Continue Reading

Macambira e cajás

Quando estou no interior, gosto de desbravar caminhos, conhecer novas terras, descobrir encantos. De vez em quando, pego carona nas pedaladas do meu marido para fazer tudo isso. Ele acordou cedo. Foi matar a vontade de subir e descer ladeiras, testando seus limites. Voltou para casa e chamou os amigos para conhecer seu percurso. No carro, logicamente. A turma não tinha o seu preparo físico, exceto seu companheiro de pedal. Fomos de camionete. Um homem na direção, quatro mulheres na boleia (para quem não sabe, é a parte fechada da cabine) e três marmanjos na carroceria, indicando o caminho pelas […]

Continue Reading

Arquitetura na Rioja

Em 2006, a Rioja – região espanhola produtora de vinho – foi escolhida como parte de um roteiro por terras europeias em função de um amigo apreciador dessa bebida. Os nordestinos ainda estavam em processo de adaptação ao vinho tinto, engatinhando na enologia, despedindo-se em definitivo dos vinhos capelinha e sangue de boi, numa rápida passagem pelos brancos alemães. O consumo do vinho tinto virava negócio propício, para os vendedores e, melhor ainda, para os consumidores. Quatro casais passaram a percorrer as vinícolas, vilas e cidadelas da Rioja. Explanações e provas de vinhos, Museo Vivanco de la Cultura del Vino […]

Continue Reading

Por que não falar de tulipas?

Em um mundo cada vez mais recheado de notícias negativas, por que não falar de tulipas? Há exatos 23 anos, visitei o parque Keukenhof, na cidade de Lisse/Holanda, distante 35km de Amsterdam. Não conhecia as tulipas de perto, foi amor à primeira vista. A variedade de cores, a organização do parque, a disposição das flores, tudo me encantou. No meu íntimo, prometi um dia retornar para reviver a emoção. A promessa concretizou-se esse ano. Voltei cheia de expectativa, morrendo de medo de a segunda visita não ter o mesmo encantamento da primeira e ainda levando quatro mulheres comigo – que […]

Continue Reading

Cinco mulheres e uma viagem

Chegamos de muito longe, de alma aberta e o coração cantando! Começo essa crônica pegando carona nas palavras de Mario Quintana, lamentando o coração não poder gritar alto de satisfação, mas ele sabe se expressar por outros caminhos… Junte uma amiga de infância, uma mãe e uma filha e programe uma viagem. Consiga mais uma amiga de coração e, de última hora, uma mãe, que também é avó de uma integrante do grupo – três gerações reunidas, que privilégio! Está formado um quinteto pronto para todos os caminhos do mundo. No caso, uma visita aos países Holanda, Grã-Bretanha (apenas Londres) […]

Continue Reading

Preparativos de viagem

Tulipas brancas

A palavra viagem tem origem no latim. Na Roma antiga, viaticum designava as provisões de viagem. Em tempos idos, o viajante tinha que provisionar alimentação e outros víveres para ir de um lugar a outro, seja com as próprias pernas ou com a utilização de animais. O deslocamento agilizou-se com a evolução dos meios de transporte e as pessoas passaram a conhecer, desbravar e visitar lugares cada vez mais distantes de sua origem. Mas levantar voo e preparar uma viagem internacional não é tarefa fácil. Se a pessoa não tem qualquer familiaridade com a internet, facilidade de expressão em outros idiomas ou […]

Continue Reading

Embarque imediato

Céu ao entardecer

Embarcar não é tarefa fácil nos dias de hoje. Sempre lembro do gado entrando no brete, pura recordação dos meus dias na fazenda dos meus avós. A classificação dos passageiros e o modo de embarque variam em função das normas regulamentares dos voos. Algumas companhias adotaram o embarque em ordem decrescente do final para o início da cabine. Com as novas regras sobre bagagens, efetuaram alterações. Imaginei se a logística estaria correta. Despois das prioridades, embarcaram os passageiros com mochilas ou bolsas de mão, que deveriam ser acomodadas sob a poltrona à frente. Por último, os passageiros com bagagem de […]

Continue Reading