Tempo de aprendizado

De repente, ele chegou por imposição, sem qualquer aviso ou previsão, atendendo aos reclames de milhões sobre a sua falta. Inesperadamente, está disponível para todos os confinados. Sem distinção de nacionalidade, o tempo emergiu, incluindo o mundo todo no mesmo barco. Em voos largos, falei sobre o ócio criativo preconizado por Domenico de Masi e o que fazer na sobra de tempo. Agora ele está aí e as pessoas, surpreendidas, questionam o que fazer com ele. Mensagens pipocam a todo instante nas mídias sociais, dando dicas sobre como enfrentar o isolamento social. Sem efeito polarizado, as pessoas estão surgindo nas […]

Continue Reading

No Rastro das Águas – Capítulos 60 e 61

(…) José Bezerra assistiu a tudo entusiasmado, mesmo temeroso pelas transformações sociais; era característica sua colocar-se a par dos episódios marcantes da História. Sabia que aquele passo era grande demais para humanidade, reflexo do desenvolvimento da tecnologia. Acompanhou a volta dos heróis mundiais e se perguntou até onde o homem iria aventurar-se. Ao mesmo tempo, sentia-se diminuto em face dos acontecimentos. Se para ele, a ida do homem à Lua era um feito extraordinário, imaginem a reação dos habitantes rurais, isolados das transformações ao seu redor. Muitos deles nem acreditariam na epopeia. Capítulo 60 Sempre que não suportava acompanhar o […]

Continue Reading

O vírus que muda nosso comportamento social

Foto de Carlos Alberto Araújo Ao completar um ano de blog, decidi fazer algumas alterações para facilitar o acesso aos posts. Além disso, convidei alguns colaboradores para publicar seus escritos. É uma forma de interagir e apresentar novas ideias. Dessa vez, a crônica está a cargo de Carlos Alberto Araújo, médico e cirurgião torácico/HUOL/UFRN, que aceitou o convite e nos presenteia com uma reflexão sobre o momento atual e uma bela fotografia. Vamos ao texto! O VÍRUS QUE MUDA NOSSO COMPORTAMENTO SOCIAL Carlos Alberto – Cirurgião torácico/HUOL/UFRN Considerando apenas as recentes emergências de saúde pública mundial – primeiro a SARS, […]

Continue Reading

Katherine Johnson, seu nome é determinação

Foto capturada no site da NASA Ela abriu o baú de cedro do sótão, que fazia as vezes de quarto dos meus avós, e retirou uma pequena calça desbotada. As lágrimas vieram na mesma velocidade do meu espanto. Sebastiana, minha babá quando criança, guardara algumas peças de minhas roupas infantis na fazenda onde passei divertidos períodos de férias. A lembrança virou uma relíquia. Eu a emoldurei e está na entrada do meu closet; demonstração de afetividade e carinho guardada no fundo do coração. Nasci em 1964 e acho que vestia essa calça lá pelos meus cinco anos. Mamãe era antenada […]

Continue Reading

No Rastro das Águas – Capítulos 58 e 59

(…) De volta ao Brasil, encontrou sua terra em preparativos para eleição que ocorreria em outubro de 1965. Aluízio Alves consolidara sua força política e consegue eleger seu sucessor, o Monsenhor Walfredo Gurgel, derrotando aquele que se tornou seu inimigo político, o ex-Governador Dinarte Mariz. O gosto pela política vai perdendo o viço em José Bezerra. O veneno da mosca azul já não fazia efeito. Perto de terminar a suplência de Senador, faz uma análise do pouco tempo de vida pública e chega a uma conclusão: o mundo da política era bem mais complexo do que o imaginado; as negociatas […]

Continue Reading

Museus em passeios virtuais

Instituto Inhotim, Brumadinho | Minas Gerais O mundo deu uma reviravolta em pouco mais de um mês. A globalização recebeu um freio de arrumação e vários países fecharam suas fronteiras. A pandemia instalada pelo coronavírus mudou comportamentos em menos de trinta dias. Pessoas recolhidas em casa, filhos sem escola, trabalho remoto e, num piscar de olhos, a humanidade percebe que recebeu, por um caminho dramático e tortuoso, uma preciosidade que se chama tempo. Para os cientistas e pessoal da área médica, as pesquisas correm contra o tempo. Mas o cidadão comum, mesmo a contragosto, tem o tempo disponível para fazer […]

Continue Reading

No Rastro das Águas – Capítulos 56 e 57

(…) Em Brasília, a nova Capital Federal, inaugurada no ano anterior por Juscelino, o Presidente Jânio da Silva Quadros recebeu a faixa presidencial na mesma data. Numa vitória avassaladora, a UDN, finalmente, saíra vencedora nas urnas. Como a legislação eleitoral permitia, o Vice-Presidente eleito foi o petebista, João Goulart, ex-Ministro do governo Vargas, que disputou o cargo em outra coligação. Capítulo 56 A chegada da UDN ao poder nacional é logo frustrada com a atitude de Jânio Quadros em 25 de agosto de 1961. José Bezerra, assim como o resto do país, recebe estarrecido a notícia de sua renúncia, sete […]

Continue Reading

(Re)descobrindo Veneza

Há pouco mais de dois anos, decidimos fazer uma viagem feminina em três gerações: minha mãe, eu e minha filha. Na bagagem, uma professora de História da Arte que produz arte contemporânea; uma viajante incansável e curiosa, no caso, a própria cronista; e uma jovem com rosto de adolescente, introspectiva, mas que capta como ninguém as boas dicas de viagem. Destino: Itália! Chegamos por Milão – ainda sem coronavírus e com muitos turistas –, pegamos um carro (gosto de conhecer os lugares, viajando de carro com a ajuda do GPS ou Google Maps), dormimos perto do aeroporto e no dia […]

Continue Reading